Prédios de Adobe em Shibam

Oito andares , 500 anos de idade, adobe ( tijolos de barro ), estas são as casas de Shibam no Iêmen. A cidade é um património mundial da UNESCO. Altas e com um tecido urbano denso de 500 casas,  Shibam é conhecida como a “Manhattan do deserto”.

A cidade fica acima da planície de inundação do rio mais próximo. As paredes de tijolo de adobe, feitas de barro, lama do rio, ficam mais finas em direção ao topo do edifício, para reduzir a pressão sobre as paredes inferiores. As paredes de barro precisam ser rebocadas após erosão causada, ao longo do tempo,  pelo vento e pela chuva. Mesmo que a cidade fique em terreno elevado, Shibam está em risco de danos causados ​​por inundações devido a fortes chuvas sazonais, com isso moradores branqueam  os telhados e as fachadas exteriores dos edifícios com uma cobertura protetora de calcário moído para evitar danos causados ​​pela água .

Com muitos dos residentes do século 20 de Shibam deixando a cidade murada, um grande número de edifícios começou a se deteriorar e uma parte importante da cultura do Iêmen estava em risco de se perder a erosão. Porém, nos últimos 20 anos, governos, agências e indivíduos têm cooperado para restaurar Shibam, não como um centro turístico , mas como uma cidade viva.As casas foram restauradas utilizando técnicas tradicionais de construção natural.

Na galeria, é possível ver as plantas de uma casa típica e fotos das janelas que muitas vezes são esculpidas e cuidadosamente trazidas de volta à plena glória por artesãos locais.

Saiba mais, clicando em: Naturalhomes

 

 

 

Deixe seu comentário: