Luz Natural

 

A iluminação artificial é responsável por 50% do consumo de energia nos edifícios comerciais e uma parte considerável da energia em outros edificios não residenciais. Atualmente, o uso da luz natural combinada com sistemas de iluminação de alta eficiência permite a economia de 30 a 50% e em alguns casos é possível alcançar até 70%.

Os requisitos de luz natural dependem da função do edifício, suas horas de uso, o tipo de usuário e as necessidades de vistas, intimidade e ventilação, bem como os objetivos energéticos e ambientais.

Os espaços que recebem luz natural são mais econômicos e atrativos para viver e trabalhar.  Sem contar o fato de que a carência de luz no ambiente pode causar problemas a saúde, como o transtorno afetivo estacional (TAE) e a falta de vitamina D.

Fonte: Vitrúvio Ecológico 

 

Ana Clara Zorowich
Redação Ecoeficientes

 

 

iluminacao-natural-solucao-ecoeficiente

 

 

Deixe seu comentário: