Em Nova York edifícios transformam suas lajes em fazendas urbanas altamente produtivas e rentáveis.

Brooklyn Grange, é uma fazenda na cobertura de um prédio no Queens que, após sua primeira colheita, já é considerada a maior fazenda de telhado em Nova York.

A fazenda urbana foi financiada por uma doação de $ 592.730 do Programa Verde do Departamento de Infraestrutura de NY. Trata-se de 43.000 metros quadrados de área produtora de alimentos, que ocupam a laje, até então ociosa, de um edifício público.

Atualmente eles cultivam principalmente saladas verdes, acelga, couve, berinjela, manjericão, pepino e cerejas com uma produção anual estimada em 20.000 quilos de produtos frescos. Durante o inverno, eles vão plantar culturas de cobertura, como o trevo e ervilhaca, para evitar a erosão do solo e repor os nutrientes vitais. O mais surpreendente é que para além das culturas, o Brooklyn Grange também tem o maior apiário comercial de Nova York, que conta com mais de 30 colmeias e que irão produzir aproximadamente 1.500 libras de mel por ano.
Este é um ótimo exemplo de uso viável, rentável e benéfico das coberturas dos prédios nas grandes cidades e o movimento mundial de hortas urbanas veio para ficar!

Durante sua visita pelo telhado, o prefeito Michael Bloomberg apontou alguns dos benefícios ambientais da fazenda. “Além de isolar o edifício do calor e do frio, o jardim vai absorver mais de um milhão de litros de água da chuva e ajudar a manter os portos e rios limpos. Este é um dos maiores projetos que estamos financiando como parte de nosso programa de Infraestrutura Verde, e vai nos ajudar a alcançar nossos objetivos para uma NYC mais verde”, declarou Bloomberg.

“Aqui em Nova York, não temos hectares e hectares de terra para cultivar alimentos frescos, e é por isso que eu defendo a mudança de leis de zoneamento para maximizar o espaço no piso superior, e abrir a cobertura de edifícios industriais de bairro para cultivar produtos frescos .” diz Marty Markowitz coordenador da Brooklyn Grange.

 

Redação Ecoeficientes

 

 

horta-noocity-growbed-solucao-ecoeficiente

 

 

Deixe seu comentário: