O que são Sistemas Solares Passivos?

Os Sistemas Solares Passivos são os sistemas utilizados para captar e acumular o calor da energia solar diretamente. São chamados passivos porque não tem nenhum dispositivo eletro-mecânico para recircular o calor, isso acontece por conta dos princípios físicos básicos de condução, radiação e convenção de calor.

Conheça diferentes estratégias:

Ganho Direto – O sistema mais simples que consiste na captação de energia do Sol através de vidros que permite que o calor entre e impedem que o calor saia. Estas janelas devem ser dimensionadas e orientadas de acordo com a orientação em relação a trajetória solar e tipo de uso do ambiente.

Aprenda a ler uma Carta Solar aqui

Muro Trompe – Um muro construído com tijolos e concreto, pintado de preto. Para melhorar a captação, instala-se uma superfície de vidro para que produza o efeito invernadeiro. O vidro permite que a luz do Sol atravesse e o muro aqueça, emitindo raios ultra violetas que não podem atravessar o vidro. Por esse motivo a temperatura se eleva no Muro e na camada de ar existente entre o muro e o vidro. Podem ser instalados furos embaixo e em cima para que o ar entre diretamente da camada de ar aquecida ao ambiente.

Invernadero – Neste caso o espaço entre o muro e o vidro é habitável, fazendo com que sejam diminuídas as perdas de calor do interior ao exterior.

Estanques Solares – Em algumas regiões é possível usar a superfície teto para acumular calor porém é necessária a instalação de dispositivos móveis para não deixar que o ar escape durante a noite.

Coletores solares – É um sistema mais complexo que, através de uma camara de vidro fechada, posicionada na fachada ensolarada, capta o calor no ar ou na água e esse calor é transferido para uma camada abaixo do piso através de um sistema de serpentina. Aquecendo o ambiente naturalmente.

 

Redação Ecoeficientes

Arq. Rafael Loschiavo

 

 

Deixe seu comentário: