Lâmpada não perecível e com baixo consumo de energia

O presidente da empresa OEP e inventor da “lâmpada que dura a vida inteira”, Benito Muros, introduziu uma invenção revolucionária: uma lâmpada não perecível e com baixo consumo de energia.

Juntamente com seu grupo de engenheiros, Benito Muros, desenvolveu a lâmpada IWOP, com casquilho de rosca grande que apresenta como principal vantagem a economia de até 92% e emissão de até 70% menos dióxido de carbono.

Agora, OEP Eletrics, tem anunciado seu produto revolucionário em versão melhorada. Embora o produto já seja comercializado a dois anos,  agora será comercializado com o nome IWOP e tendo um consumo de 3,5 watts enquanto sua iluminação equivale a de uma lâmpada incandescente de 90 watts.

O fabricante, que garante que as lâmpadas IWOP são as únicas reparáveis, duráveis e atualizáveis do mundo , é localizado em Girona, na Catalunha. O produto estará disponível através do site a um preço de 28 euros, mais IVA, conforme relatado pelo inventor. Está prevista a sua comercialização em outros países, como Peru, Colômbia, EUA e Brasil.

Muros também criou há dois anos o movimento “sem obsolescência planejada” (SOP) para denunciar a manipulação dos fabricantes a fim de que os produtos durem menos anos. A ideia do produto, que segundo seu criador pode durar em torno de 80 anos, surgiu ao encontrar nos Estados Unidos uma lâmpada acesa a mais de 100 anos em um parque de bombeiros. A partir desse momento, o inventor conseguiu as bases das quais começou sua investigação.

 

Ana Clara Zorowich
Redação Ecoeficientes

 

banner-kit-fotovoltaico-rede

 

 

 

Deixe seu comentário: