Taipa de Pilão está presente no mais alto nível do design mundial

O escritório de arquitetura Herzog & de Meuron, conhecido pelo seu alto nível em design para construção, empregou paredes de taipa em seu projeto para o centro de produção de alimentos orgânicos da empresa Ricola em Laufen, na Suíça.

A construção com terra está sendo utilizada em várias partes do mundo. Atualmente, mais de 30% da população mundial utiliza esse método para a construção civil.

A taipa de pilão ajuda a regular a temperatura e a umidade do interior da construção, ja que é predominantemente composta de terra prensada. Os arquitetos optaram em pré-fabricar os painéis de taipa, usados para as paredes e para o teto.

Em uma fábrica local compactou a terra para a formação de grandes blocos retangulares, ao invés de construir o material na obra, como geralmente é feito economizando o transporte.

O concreto foi utilizado somente na construção de vigas e no revestimento interno das fachadas.

No telhado do edifício, foram instalados painéis fotovoltaicos capazes de produzir eletricidade através da captação de energia solar.

As janelas, grandes e de vidro, e as portas de madeira, foram pensadas para melhor aproveitamento da luz e ventilação natural no interior da construção.

Podemos observar o crescimento da sustentabilidade no mundo da moda ao ver um escritório, que trabalha sempre usando os materiais mais inovadores do mercado, escolherem essa prática tão antiga, simples e eficiente para sua obra mais recente.

Saiba mais sobre construções com materiais reciclados e naturais.

Redação Ecoeficientes

 

Deixe seu comentário: